Arquivo da tag: V encontro de cheganças

V Encontro de Cheganças da Bahia

Na programação, louvação ao padroeiro de Saubara, mesa redonda sobre o registro das Marujadas como Patrimônio Imaterial, exposição de fotos, desfile e apresentação dos cheganceiros locais e convidados de Andaraí, Cairu, Camaçari, Jacobina, Paratinga, Remanso, Taperoá e Lençóis.

A Associação Chegança dos Marujos Fragata Brasileira agita Saubara, pequena cidade do recôncavo baiano (110km de Salvador), com os preparativos para realizar a quinta edição do Encontro de Cheganças da Bahia que acontecerá nos dias 4 e 5 de agosto de 2015.

CLIQUE PARA VER CONVITE

A Chegança ou Marujada é considerada uma “dança dramática”. Essa expressão foi popularizada por Mário de Andrade e é o nome genérico com que os folcloristas brasileiros designam os grandes bailados populares que se baseiam num assunto determinado e têm, na sua maioria, partes faladas e representadas, como é o caso das Cheganças e Marujadas.

Os grupos em suas apresentações, retratam fatos históricos de forma lúdica e transmitem para o observador a sensação de estar presenciando marujos dentro de uma embarcação em alto mar. “São mais de duas dezenas de grupos espalhados em todo Estado. Com esse movimento, busca-se incentivar a permanência da tradição das Cheganças na Bahia”, diz Rosildo Rosário, coordenador geral do evento.

O V Encontro de Cheganças da Bahia é realizado com o apoio financeiro do Centro de Culturas Populares e Identitárias (CCPI)/Secretaria de Cultura do Estado da Bahia/Governo do Estado da Bahia, apoio do IPAC, SUDECULT, SUPROCULT e apoio cultural das prefeituras de Saubara, Andaraí, Camaçari, Taperoá, Cairú, Paratinga e Lençóis.

Patrimônio Cultural

O I Encontro de Chegança da Bahia, realizado em 2013, em Saubara, reuniu oito cheganças de quatro municípios. Foi um passo importante para dar visibilidade aos grupos organizados no estado.

Além de promover o encontro dos cheganceiros em busca de reconhecer semelhanças e diferenças na forma como realizam sua performance, esse evento, criou um espaço de conversa sobre a Marujada. Na ocasião, foi encaminhado o pedido de registro dessa manifestação popular tradicional como Patrimônio Cultural da Bahia.

Desde então, o Encontro é realizado anualmente e o processo está na fila do IPAC, aguardando o próximo passo para a produção do Dossiê das Cheganças e registro definitivo, efetivado pela inscrição das Cheganças no Livro de Registro Especial das Expressões Lúdicas e Artísticas.

PROGRAMAÇÃO

DIA HORA ATIVIDADE LOCAL
4/8 8h Recepção de lideranças dos grupos visitantes Sede da Chegança Fragata Brasileira. Rua Boca da Mata, s/n. Saubara-Ba
11h Apresentação do Grupo Chegança Fragata Brasileira na Missa de São Domingos de Gusmão Igreja de São Domingos de Gusmão. Saubara-Ba
19h Reunião aberta à comunidade em geral e representantes dos grupos de Cheganças da Bahia Sede da Sede da Chegança Fragata Brasileira. Rua Boca da Mata, s/n. Saubara-Ba
5/8 9h Reunião entre as lideranças das Cheganças e representantes do Estado > Mesa: Caminhos já percorridos para o Registro e o que falta para completar a caminhada Sede da Sede da Chegança Fragata Brasileira. Rua Boca da Mata, s/n. Saubara-Ba
15h Desfile dos grupos:
Chegança dos Marujos Fragata Brasileira, Chegança Feminina Barca Nova, Chegança de Mouros Barca Nova Feminina (Saubara), Chegança dos Mouros de Arembepe, Chegança Feminina de Arembepe (Camaçari), Marujada de Paratinga, Marujada de Cairú, Chegança de Taperoá, Marujada do Divino Espírito Santo de Andaraí, Marujada de Remanso, Chegança de Lençóis, Marujada de Jacobina
Saída da Rua do Lavador
17 às 19h Apresentação Rua da Amendoeira
9h às 20h Exposição de fotos: Thales Antonio e o fuzuê da Fragata Brasileira Praça 13 de junho

 

Contatos: chefrabra@gmail.com